Desafinar. E aí? Qual o problema? (English below)

Updated: Mar 20


Quem nunca, né? Mas esse texto não será sobre "desafinar", e sim sobre tudo que envolve o tal desafinar.


Afinal, o que é desafinar? É quando não acertamos a nota certa. Isso pode acontecer por conta da falta de atenção, concentração, relaxamento, por deixar a técnica de lado e ser tomado pela emoção ou, por muitos outros motivos. Mas o interessante, é que eu tenho visto que o medo está presente e influencia diretamente o canto. Medo de desafinar? Não! MEDO DE ERRAR.

Quando recebi a notícia que seria pai, a minha vida foi tomada pela melhor sensação do mundo. E um dos primeiros pensamentos que passaram na minha cabeça foi: "Vou ensinar tantas coisas legais para o meu filho". Vou confessar uma coisa para você que está lendo esse blog. Até agora, eu é que estou aprendendo muito com o meu filho. São quase nove meses de muitos aprendizados, mas o principal deles é que meu filho não desiste. Ele não tem medo de errar. Afinal, ele não sabe o que é certo e o que é errado. Quando ele quer uma coisa, ele vai em frente, engatinha, passa por cima da minha perna, cai de cara no tatame, se apoia novamente, engatinha, levanta se apoiando na cama, estica o braço e na ponta dos pés consegue pegar o brinquedo que ele tanto queria colocar na boca hahahaha... Olhando isso eu pensei: Será que eu era assim também? Mas acho que a pergunta certa é: Será que eu ainda sou assim?

Não são só os meu alunos que tem medo de errar. Todos nós temos esse medo. O que eu sempre digo para os alunos é que "o lugar de desafinar e errar é aqui em sala de aula. No ensaio da tua banda". Mas qual o problema de desafinar em um show ou apresentação? Nenhum. Nós só aprendemos o que é certo depois de errar. Michael Jordan(Chicago Bulls-NBA-basquete-blá blá blá), uma certa vez respondeu ao reporter que o parabenizava sobre ser o "cestinha" daquele ano na NBA o seguinte:

Você está vendo somente o lado bom. Eu errei mais de 9000 arremessos na minha carreira. Perdi quase 300 jogos. Em 26 vezes, confiaram em mim para fazer a cesta da vitória, e eu errei. Falhei uma vez, de novo, e outra vez na minha vida. E é por isso que obtive sucesso.

Por isso eu concluo. Continue errando, desafinando e errando de novo. Só assim saberás como não deve fazer, para depois aperfeiçoar e melhorar no canto, no basquete, na vida. Não perca seu ímpeto de quando era bebê.Caia, levante e siga em frente.


Um forte abrax


Singing out of tune ? So what?


Who doesn´t? But this text isn't about "to sing out of tune". But everything that involves singing out of tune.


So, what is "out of tune or pitch"? That's when we don't hit the right note. This usually happen due to lack of attention, concentration, relaxation, for leaving aside the technique and being involved by emotion or, many other reasons. But the interesting thing is that I have seen that fear is present and directly influences singing. Afraid of getting out of tune? No! FEAR OF MAKING MISTAKE.

When I knew that I would be a father, my life was filled with the best feeling in the world. And one of the first thoughts that crossed my mind was, "I'm going to teach my son so many cool things." I will confess something to you that is reading this blog. So far, I am the one that is learning much more with my son. It's been almost nine months of a big learning, but the main thing is that my son doesn't give up. He is not afraid of making mistakes. After all, he doesn't know what's right and what's wrong. When he wants something, he goes ahead, crawls, goes over my leg, falls face-first on the mat, supports himself again, crawls, gets up leaning on the bed, stretches his arm and on tiptoe manages to pick up the toy that he wanted so much to put in his mouth hahahaha... Looking at this I thought: Was I like that too? But I think the right question is: Am I still like this?


It's not just my students who are afraid of making mistakes. We all have this fear. What I always say to my students is: "the place to go out of tune and make mistakes is right here in the classroom. At your band's rehearsal". But what's wrong with going out of tune in a show? None! We only learn what is right after doing a lot of mistakes.


Michael Jordan (Chicago Bulls-NBA-basketball-blah blah blah), once answered to the reporter who congratulated him on being that year's "best shots" in the NBA the following:

"You are only seeing the bright and good side. I missed over 9000 shots in my career. I lost almost 300 games. In 26 times, they trusted me to make the winning shot, and I missed. I failed once, again, and again in my life. And that's why I was successful. Failure is the natural path to success"

So I´ll conclude. Keep getting it wrong, singing out of tune and doing wrong again. That's the only way you'll know how not to do. This way you will improve and improve on singing, in basketball, in life. Don't lose your "baby moment". Fall down, get up and move on.


Cheers


36 views0 comments

Recent Posts

See All